Kapama Southern Camp – Hospedagem no Kruger Park

Kapama Southern Camp – Hospedagem no Kruger Park . Por Bloga Viagem – Atualizado em 19/09/2017

Neste momento ainda estamos em viagem, mas pintou um período de relaxamento total e deu para escrever um pouco, hoje vou falar sobre o primeiro hotel dessas nossas férias, o Kapama Southern Camp.

Primeira coisa a se dizer, o Kruger National Park é enorme e tem algumas reservas privadas dentro dele. A Kapama Private Game Reserve é uma delas. Dentro dessa reserva, que também é muito grande, existem alguns hotéis dessa rede, o River Lodge, o Karula, o Buffalo Camp e o Southern Camp.

Por uma ajuda de nossa amiga Cláudia Dantas conseguimos um upgrade na categoria de nosso quarto/hotel. Havíamos contratado o River Lodge (obrigado Cláudia por sua intervenção), valeu muito a pena a mudança.

Traslado

Traslado de chegada

A chegada

Fomos para lá num voo direto de Johannesburgo a Hoedspruit. O avião era um turboélice da bombardier, que estava até relativamente novo, a viagem não durou mais que 45 minutos. Ao chegar, fomos recepcionados no aeroporto por uma ranger do hotel, que fez nosso traslado direto no carro que também é usado para a realização dos safaris.

O aeroporto fica em frente a reserva, é só atravessar a rodovia que já entramos nela, a propósito, só entram hóspedes. Depois de 25 minutos de carro chegamos na recepção. O processo do checkin foi super rápido, já estavam nos esperando com tudo quase pronto. Chegamos perto de 12:00h, as diárias iniciam-se as 14:00h, mas não demoraram 30 minutos e nosso quarto já estava pronto.

O quarto

O quarto que ficamos é um assunto à parte. Era praticamente uma casa, tudo maravilhoso, muito espaçoso, moderno, bem feito, limpo e finamente decorado. O quarto era formado por vários ambientes:  a cama, uma salinha, banheiro e uma varanda com uma piscina privativa. Além de ser equipado com lareira, cafeteira nespresso, um frigobar repleto,  banheira e um chuveiro que não me esquecerei jamais, todo cercado de vidro com vista para a savana.

Há também opções de quartos menores. Tivemos acesso a um deles e pelo visto o padrão é o mesmo, porém, em menores proporções e sem piscina, mas mesmo assim excelentes. Seguem fotos.

Áreas comuns

O hotel ainda conta com uma área de convivência equipada com um bar e uma lareira enorme, além de uma biblioteca, um restaurante, piscina e uma área onde são realizados os jantares (com uma fogueira no centro).

Importante, todos os ambientes fechados são devidamente climatizados, uma vez que ali no meio da savana até no inverno é bem quente durante o dia. O hotel possuía internet boa nos quartos e nas áreas comuns. A comida era excelente, e de muito bom gosto, com opções para todos os tipos de dieta, mas priorizando os pratos típicos africanos.

Refeições

No preço da diária que pagamos estavam incluídas todas as refeições (sem bebidas alcoólicas, estas são pagas à parte) e são várias refeições disponíveis, me senti como os pequenos hobbits do Senhor dos Anéis.

As 06:00 um desjejum antes do safari, durante o safari há uma pausa rápida para um café ou chocolate quente na savana que geralmente é acompanhado por alguma coisinha para comer (bolos, biscoitos), na volta do safari às 09:30hs o café da manhã, o almoço é servido a partir das 13:00hs no restaurante principal, depois um chá com bolos diversos antes do safari vespertino, e mais um café ou chocolate na savana acompanhado de algum tipo de carne seca, frutas desidratadas e castanhas; na volta do Safari, a partir das 19:00hs o jantar.

Ufa! Se você comer tudo que eles te oferecem vai sair de lá rolando, ainda mais que a comida típica sul africana é muito boa (pelo menos ao meu paladar agradou em muito).

Safaris

Ainda estão incluídos no valor das diárias todos os safaris, são dois por dia com 3 horas de duração, um de 06:30h às 09:30h e outro de 16:00h às 19:00h – os horários podem variar um pouco de acordo com a estação do ano.

Há seguranças por todo o hotel, além de sua área ser toda protegida por cerca eletrificada para evitar entrada de animais perigosos. O transfer de saída também está incluído, é só informar o voo de saída que eles providenciam o agendamento – a cidade possui voos regulares para Johannesburgo e Cape Town – para onde fomos.

Estar ali é uma experiência única, você está a todo momento inserido na natureza ainda selvagem, rodeado pela vegetação e pelos animais. Algo que realmente nunca me esquecerei. Obrigado a minha esposa por ter pesquisado e escolhido este lugar maravilhoso.

Para aqueles que se interessarem pela passeio, recomendo os quatro da rede incluídos nessa reserva (apesar de não ter visitado os demais, pesquisamos bastante antes de ir e o que inicialmente ficaríamos era o River Lodge, quando já estava lá vi um livro com fotos dos demais hotéis, nenhum deles deixa a desejar) segue aqui o link para a página do booking de cada um deles:

Muito obrigado pela paciência de vocês e boa viagem! Me contem se forem por lá.



Booking.com