Dicas de viagem, hospedagem e passeios em Campos de Jordão – SP

Dicas de viagem, hospedagem e passeios em Campos de Jordão – SP

portico_campos_jordao

Pórtico de entrada da cidade

Olá pessoal, boa noite a todos. Hoje vou falar um pouco sobre uma viagem curtinha que fizemos em 2015. Foi curta, mas muito proveitosa. Campos do Jordão é um lugar lindo e digno de ser visitado. A vantagem para o grande público é que é uma viagem fácil de ser feita, dá para ir de carro vindo do sudeste do Brasil. Espero que vocês gostem das dicas. Abraços a todos vocês.

Período ideal para ir?

O legal de Campos do Jordão é ir para aproveitar o friozinho que a região proporciona, o auge da temporada se dará no mês de julho, pois além do frio, terá também a influência das férias escolares. Gente do Brasil todo corre para expor sua figura por lá. A cidade fica bombando. Se você puder ir um pouco antes, entre maio e junho, acho que fará melhor negócio.

Outono_e_Inverno_em_Campos_do Jordão

Outono e Inverno em Campos do Jordão

Quanto tempo ficar?

Campos do jordão é uma cidade pequena, mas com muitas atrações, especialmente para quem gosta da boa mesa (tanto para comida quanto para bebida) e de natureza. Não dá para medir o tempo ideal apenas pelo tamanho da cidade, temos que levar em consideração o que realmente gostaríamos de fazer por lá.

Conhecer todos os restaurantes legais? Ir à todos os parques? Reservem bastante tempo. Agora para cumprir o básico da cidade dá para curtir um feriado prolongado de 3 ou 4 dias.

Chegada e Saída

Vindo do Rio de Janeiro ou de São Paulo o caminho mais curto é vir pela Via Dutra (BR116). Vindo de Belo Horizonte você sairá pela BR 381, indo até Pouso Alegre, e de lá, pegará estradas menores (veja no mapa).

Para quem vem de outras regiões do país, recomendo chegar no aeroporto de Guarulhos e alugar um carro por ali para ir e voltar de Campos do Jordão. O trajeto será o mesmo de quem vem de São Paulo.

A propósito, o carro vai ser bem útil para seus deslocamentos de uma atração para outra.

Hospedagem

Campos do Jordão – por ser uma cidade com vocação nata para o turismo, e localização  – diversas opções de hospedagem, desde B&B a hotéis boutiques, passando pelas diversas e agradáveis pousadas da região, depois de muita pesquisa, nós optamos por uma pousada super charmosa, Serra do Jordão, que fica a uns 3km do Capivari, super recomendo, segue o link do post onde falei dela.

Fiz uma pesquisa rápida no airbnb e encontrei casas para 6 pessoas, ficando uma semana em março de 2017 por R$570,00 por diária, assim como uma outra para 4 pessoas por R$405,00. O preço per capta neste caso variou pouco. Se estiver em mais de um casal, talvez valha a oportunidade de dividir a estadia.

Atrações

Bom, fiz uma listinha dos lugares que eu mais gostei em nossa visita.

  • Museu Felícia Leirner e Auditorio Claudio Santoro – Este parque é uma tranquilidade, esculturas expostas ao ar livre num cenário onde a mata te envolve. É um locais que eu mais gostei em nossa visita.
  • Palácio Boa Vista – este palácio além de um “museu” é a sede de inverno do governo de São Paulo, chique não? As visitas são guiadas e percorrem os cômodos do Palácio, onde podemos perceber além das obras de arte expostas por lá, as peças de decoração do Palácio. Tudo simples e de muito bom gosto. Vale muito a pena a visita.
palacio_boa_vista

Palácio Boa Vista

  • Amantikir Jardins – estes jardins ficam quase na saída da cidade, é uma atração privada, com flores e árvores típicas da região. Tudo muito bem cuidado. Há também um pequeno café e loja de souvenirs. Bem pertinho dali, na estrada de acesso ao parque, existe o Mirante Lajeado que te dá uma vista impressionante de toda a região.
  • Parque Estadual de Campos do Jordão e Horto Florestal – Outro passeio imperdível em Campos do Jordão, fica um pouco afastado da cidade num trajeto pitoresco por uma estradinha secundária que te leva no meio da mata até este maravilhoso parque. No parque, a caminhada entre árvores, lagos e animais silvestres anima qualquer um. O espaço é perfeito para um piquenique e rende belas fotos. Adorei o lugar. Será um ótimo passeio para quem estiver com crianças.
  • Estação Emílio Ribas – Passeio de trem até Santo Antônio do Pinhal – A estação fica bem em frente ao bairro do Capivari, dá para ir à pé. O passeio é interessante, pois também passa fora da região urbana. É um passeio muito bonito.
  • Morro do Elefante – O morro do elefante fica de frente para a cidade, tem acesso muito fácil e te proporciona uma vista panorâmica da cidade. 
vista-do-morro-do-elefante

Vista do Morro do Elefante

  • Bairro Capivari – É onde fica o burburinho da cidade, bares, restaurantes, hotéis, lojas, cervejaria, galerias de arte.  Todo mundo se encontra por aqui. Onde as pessoas vão para ver e serem vistas. Você encontra de tudo. O clima do lugar é bem legal, casas e prédios  baixos de estilo colonial e muito bem conservados. Dá gosto de se ver. O passeio pelas ruas em si já é muito agradável. Não tem como deixar de ir.

 

Restaurantes

  • Fábrica De Chocolates Araucaria – ela fica um pouco afastada do Capivari, mas vale a pena visitar, os chocolates são mesmo muito bons, e a loja é enorme, só na hora de pagar que eu acho que eles demoram um pouco para te atender, mas está valendo, pegue sua comanda e divirta-se.
  • Pastelão do Maluf (Capivari) – não, o lugar não é do “Maluf”, mas de um chará. Fica bem no Capivari e a atração principal é o…. Pastel é claro! Vive cheio. Vale a visita se você gostar de pastel. O lugar é pequeno, estará sujeito a algumas filas ou ausência de lugar para se sentar. Comi um pastel de bacalhau que recomendo.
  • Baden Baden (Capivari) – essa cervejaria dispensa comentários. Sua fama já se espalhou pelo Brasil. Ela fica bem no centrinho, super bem localizada. Tem gente que vai só para badalar, pois ali é onde todo mundo se reúne ou ao menos dá uma passadinha. Tem uma loja anexa para quem quer apenas levar umas garrafas da cerveja para degustar em casa.
cerveja_baden_baden

Cervejaria Baden Baden

  • La Gália (Capivari) – comemos uma fondue deliciosa, juntamente com um casal de amigos que coincidentemente também estava na cidade na mesma época. A noite foi agradabilíssima e a comida estava mesmo muito boa. Recomendo reservar.
  • Restaurante Só Queijo (Capivari) – já que só tem queijo, comemos queijo novamente. Brincadeira, tem de tudo por lá, e eles aliam a boa comida com o ambiente rústico, muito bonito e bem frequentado. Repetimos a fondue, já falei que sou mineiro e gosto de queijo? Aproveitem, vocês vão gostar.
  • Restaurante Harry Pisek – restaurante de especialidade alemã. Mais especificamente  a charcutaria. Salsichas, linguiças, embutidos de maneira geral. Uma delícia. Carece de reserva ou de paciência, pois é famosinho e enche bastante, fica afastado do Capivari, mas vale a visita.
  • Baronesa Café – um café bem agradável e de decoração pitoresca encrustrado no cocoruto de um morro. O lugar não é muito fácil de se achar, mas vale a visita. A especialidade do lugar são doces e geléias artesanais. Não deixe de levar também o doce de leite, uma delícia.
  • Chocolate Montanhês – Uma delícia de chocolateria bem na praça principal do Capivari. Próximo de tudo. Não deixem de provar o chocolate quente, muito bom. Aliás, de que jeito um bom chocolate fica ruim?


Mapas

Marquei no mapa os pontos que eu achei interessantes  para vocês não se perderem, se tiverem alguma dica extra, por favor comentem no Post.
Abraço a todos e divirtam-se.