2014

Dicas de viagem para a Europa 2014 – Visitando Fussen, Schwangau e Castelo Neuschwanstein

Dicas de viagem para a Europa 2014 – Visitando Fussen, Schwangau e Castelo Neuschwanstein

Olá pessoal.

Aí vai uma super dica. Se estiver em Munique e tiver um  tempo livre, visite este lugar. Schwangau, é uma cidadezinha típica do interior da Alemanha. Com suas casinhas de madeira prontas para o frio. Mas a visita não se resume a isso, aliás, por ali isso é o que menos interessa.

O quente por ali é visitar os castelos. Isso mesmo, Schwangau e Neuschwanstein, especialmente o segundo. Ele é o castelo em que se inspirou Walt Disney para construir o castelo da Cinderela  na Disneylândia.

O castelo assim como toda a região é realmente lindo e digno de no mínimo um dia de visita.

//Mas um dia apenas é suficiente? // Sim e não! Dá para fazer uma visita rápida aos castelos e a pequena cidade, mas com certeza não dá para explorar as florestas e lagos da região, se você quiser isso, recomendo que se hospede por lá no mínimo uma noite.

Partindo de Munique de trem, a viagem dura cerca de duas horas e meia. No final da viagem o trem reduz a velocidade até chegar a estação em Fussen, a região é encantadora, suas fazendinhas e vida campesina se destacam. Os cenários são dignos de alguns wallpapers.

Fizemos este passeio no verão e te garanto, o trem sai completamente lotado, portanto, chegue cedo para não ficar sem lugar. Na estação de Fussen nós tomamos um ônibus até Schwangau, a viagem é bem curta e está sujeita a lotação completa. Vá com os ânimos preparados.

Os dois castelos ficam estrategicamente colocados no alto de duas colinas, bem de frente um para o outro. Nós visitamos o castelo Neuschwanstein, que é simplesmente lindo. A subida é meio difícil, principalmente para quem tem problemas de mobilidade reduzida ou está fora de forma. Nós subimos com um guia de Munique, que nos levou por uma trilha que vai de forma mais direta até o castelo, porém, mais  íngreme. Mas existe uma estrada onde carruagens com lindos cavalos fazem o percurso até o topo.

Chegando lá em cima existem duas atrações a serem visitadas, o castelo, é claro! E também a ponte Maria, é só seguir as placas, sendo que para a ponte você subirá um pouco mais. A vista da ponte é estonteante, com vista para cachoeira e também para o castelo.

Para entrar no castelo, dirija-se até a bilheteria e compre seu ingresso. O passeio é feito com hora marcada, no nosso caso, com nosso guia nos fornecendo informações sobre o castelo e seus cômodos. Não pudemos fotografar no interior do castelo. O castelo foi construído pelo Rei Luis II da Baviera, os cômodos são todos ricamente decorados de acordo com as obras musicais do compositor Richard Wagner. É de se espantar a suntuosidade e o nível de detalhe alcançado por quem decorou o castelo.

O rei se endividou tanto para construir este castelo que não deu conta de pagá-lo, seus credores após o declararem insano, o tomaram no fim da sua breve vida e desde então o castelo vem sendo usado apenas com fins de visitações turísticas. Nunca ninguém morou ali. Hoje o castelo pertence ao estado da Baviera.

Acreditem, vale muito a visita.

No retorno, novamente duas horinhas de trem e já em Munique fizemos uma paradinha na cervejaria Hofbrau, que é um dos maiores bares, por assim dizer, do mundo.

Recomendo.

Obrigado a todos.

Abraços e até o próximo post.

Anúncios

Discussão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s